Internacionalizar a Ordem e promover qualidade dos profissionais

Internacionalizar a Ordem e promover qualidade dos profissionais

Após a sua reeleição, Mário Sitoe disse que um dos grandes desafios passa por internacionalizar a ordem e promover a qualidade dos profissionais.

Falando à imprensa minutos após o anúncio dos resultados das eleições, Sitoe disse ser tempo de consolidar aquilo que é o crescimento dos membros o que passa por dedicar esforços com vista a formação contínua de modo a que os contabilistas e auditores aprimorem cada vez mais os seus conhecimentos e consequentemente a qualidade do trabalho.

Outro desafio apontado pelo Bastonário reeleito tem a ver com a massificação da profissão de contabilista e auditor.

“Este problema às vezes não é compreendido, os outros ficam com medo, a ideia é que a massa não pode ter qualidade, só uma ou duas pessoas podem. A nossa ideia é que os nossos 4 mil membros sejam opção para qualquer mercado. Os nossos cem auditores devem ser opção para o nosso mercado”, observou.

Paralelamente a formação explicou que pretende tornar aquelas profissões acessíveis à pequenas e médias empresas a baixo custo.

Partilhar

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Membro do PAFA